como-usar-aquecedor

 

Um aquecedor para o inverno

Com a chegada do inverno, aumenta a procura de aquecedores para deixar o ambiente confortável e quentinho e os dias com temperaturas baixas são propícios para banhos quentes e ambientes mais aconchegantes. Porém, é necessário uma dose de bom senso e muito cuidado com o uso dos aquecedores.

“Mesmo os aparelhos aprovados para uso domiciliar podem provocar uma diminuição da umidade do ambiente e algum grau de ressecamento das vias respiratórias. Também há riscos de incêndio quando não são observadas as recomendações do fabricante”, alerta o neurologista do Hospital Nossa Senhora das Graças, Aluisio de Melo Jr.

Os aquecedores que mais prejudicam a saúde são os a gás e os de água, que podem provocar até mesmo a morte. “Estes aquecedores consomem oxigênio e, por isso, devem ter termostatos, ou seja, desligar quando atingem uma determinada temperatura. Sempre que usá-los é recomendável manter uma janela aberta.

Caso contrário, pode ocorrer intoxicação por monóxido de carbono, com risco de lesão cerebral ou morte”, ressalta. As lareiras também podem causar o mesmo tipo de problema. “É preciso checar se a chaminé não está obstruída, pois as brasas da lareira podem provocar intoxicação por monóxido de carbono também”, explica.

 

O problema dos aquecedores

O problema é que o uso de aquecedores pode diminuir ainda mais a umidade do ambiente, causando desconforto ao nariz e à garganta e agravando doenças respiratórias comuns nesta época, como asma, rinite e sinusite. Uma dica para amenizar estes incômodos é colocar uma bacia com água no cômodo em que o aquecedor estiver ligado.

No caso dos aquecedores a gás, o recomendado é sempre manter uma janela aberta durante o uso. Isso porque ligar o aparelho em um ambiente sem ventilação pode provocar intoxicação por monóxido de carbono, com riscos sérios de lesão cerebral ou morte.

A exposição a aparelhos de ar-condicionado e aquecedores ainda podem alterar a qualidade e produção de lágrimas, provocando a Síndrome do Olho Seco. “A doença é causada pelo baixo volume na produção de lágrimas ou por uma disfunção lacrimal, quando a lágrima produzida é de má qualidade”, salienta.

Utilizar vasilhas com queima de álcool ou o fogão para se aquecer também pode ser arriscado e causar incêndios e queimaduras. “No caso de fogões, pode ocorrer uma explosão com a descarga de qualquer equipamento elétrico ou com a tentativa de reacender a chama”, observa Dr. Aluisio de Melo Jr. Os aquecedores a óleo são os mais indicados. “Os modelos que possuem timer para desligar são ainda mais seguros, pois diminuem a chance de produzir queimaduras e incêndios”, orienta.

 

Recomendações para o bom uso do aquecedor

Para quem nunca comprou um aquecedor e quer comprar a primeira vez para se manter aquecido no inverno, fique alerta. Não basta só comprar e chegar em casa, ligar e pronto. Esteja ciente que o uso inadequado do aquecedor pode trazer riscos a segurança sua e de quem estiver na residência. Por isso, acompanhe abaixo algumas recomendações para o bom uso do aquecedor. Confira também como escolher o melhor aquecedor.
 

  • Escolha o modelo mais adequado: Existem tipos diferentes de aquecedores, são aparelhos com resistências elétricas, em quartzo, à gás ou à óleo, cada um com suas especificações e melhor forma de uso. De maneira geral todos aquecem o ambiente e você deve conhecer os modelos para saber qual melhor para sua necessidade. Os modelos cerâmicos e com óleo são os que menos ressecam o ambiente, o que é natural ao usar um aparelho como esse. Os cerâmicos são também os que aquecem mais rapidamente. Se você deseja usar no banheiro, durante o banho por exemplo, esse é um modelo bastante indicado já que por ser um lugar menor e o banho não deve demorar muito trará o melhor benefício.

     

  • Tomada exclusiva: Uma dica de segurança importante é ligar seu aquecedor direto na tomada, sem uso de extensões ou benjamin – acessório elétrico também conhecido como “T” em algumas regiões do país – essa tomada deve ter fiação elétrica com capacidade adequada para o uso do aquecedor, variável de acordo com o modelo. Aparelhos que têm potência elevada não podem dividir a ligação elétrica com outros aparelhos, para evitar danos e acidentes, ocasionados pelo superaquecimento da tomada.
  •  

  • Longe da água: Mantenha o aquecedor longe do chuveiro, pia ou outra fonte de água. Por mais seguros que sejam os aparelhos elétricos, nenhum equipamento deve ser colocado perto de onde possa molhar, fique atento!
  •  

  • Afastado de cortinas, tapetes e roupas de cama: Assim como a água é um risco, tecidos e outros produtos inflamáveis também oferecem perigo. Nunca deixe seu aquecedor perto de tecidos que possam, acidentalmente, cobrir o aparelho, fique alerta também se tiver crianças em casa e nunca permita que outros objetos sejam colocados dentro do aquecedor.
  •  

  • Protegido da poeira: Nossa última dica é para guardar seu aquecedor quando o inverno acabar, mantenha ele protegido da poeira, guardando em um saco plástico ou dentro da embalagem original, isso evita o acúmulo de sujeira. Quando o aparelho tem muita sujeira pode liberar odores ao queimar essas partículas, por isso evite que fique guardado sem proteção.

 

Dicas de segurança

Para que os cômodos fiquem aquecidos sem riscos para a saúde, algumas dicas de como utilizar com segurança os aquecedores devem ser seguidas a risca e assim você poderá desfrutar de um ambiente confortável sem se preocupar.

 

  • Procure aquecedores a óleo com timer para desligar. Além de serem silenciosos, também possuem menor chance de produzir queimaduras e incêndios;
  •  

  • Confira a fiação elétrica de sua casa para saber se suporta a potência do equipamento – em torno de 1500w;
  •  

  • Compre um termômetro para medir a temperatura e a umidade do ar. O termômetro deve ficar próximo a altura da cabeça;
  •  

  • Compre um detector de monóxido de carbono, caso você possua lareira ou sistemas de aquecimento que produzam monóxido de carbono. Instale na altura da cabeça também, no ambiente no qual fica o aquecedor ou a lareira;
  •  

  • Caso existam crianças ou idosos na casa o cuidado deve ser redobrado. Eles podem colocar objetos ou as mãos sobre os aquecedores, ou esquecer ligado os aparelhos que não possuem timer. Fique de olho!
  •  

  • Nunca seque roupas ou calçados sobre o aquecedor. Isso é muito perigoso!
  •  

  • Os aquecedores portáteis requerem mínima manutenção. Apenas mantenha-os limpos, cuidando após o inverno para limpá-los sempre desligados da tomada e frios. Quando forem guardados proteja-os da poeira com um plástico. Isso evitará que quando forem ligados no próximo inverno, o ambiente fique com aquele odor da poeira que será queimada pela resistência incandescente.

 

Cuidados especiais

Como todo aparelho elétrico é preciso ter consciência do perigo que representa quando mal usado ou deixado ao alcance de crianças. Por isso, fique atento aos cuidados especiais ao usar um aquecedor.
 

  • Para evitar uma sobrecarga dos circuitos elétricos, não utilizar nenhum outro eletrodoméstico de alta potência no mesmo circuito deste aquecedor.
  •  

  • Se o uso de uma extensão elétrica for absolutamente necessária, um fio elétrico para 10 ampères deverá ser usado, pois fios de menor amperagem poderão sobreaquecer.
  •  

  • Manter todo aparelho elétrico fora do alcance de crianças, especialmente quando estiver em uso.
  •  

  • Ao utilizar o aquecedor, (A RESISTÊNCIA) certificar-se de que existe ventilação no ambiente e que o ar está constantemente sendo renovado. Portanto não utilizar em ambientes fechados sob risco de queima de oxigênio e possibilidade de morte por asfixia.
  •  

  • Não deixar o aparelho ligado sem ninguém por perto.
  •  

  • Para proteção contra choques ou outros acidentes não imergir o cordão elétrico, o plugue ou o próprio aparelho na água ou em outro líquido.
  •  

  • O aquecedor deve estar sempre desligado antes de ser conectado ou desconectado da tomada.
  •  

  • Não utilizar o aquecedor próximo a produtos inflamáveis, paredes com cortinas.
  •  

  • Manter objetos, roupas, móveis a pelo menos 1 metro de distância do aquecedor ligado.

     

Fonte: Bonde, FF, Dicas de Mulher, Viva o Conforto

     

Gostou? Compartilhe!
(Este conteúdo foi visitado 231 vez(es) | 1 visita(s) hoje)
Você também pode ser interessar por:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>